Tópicos | Nintendo

Alguns jogos são como vinhos. Quanto mais velhos, melhor. Pensando nisso, a empresa Wanle Cases criou uma capa para iPhone que transforma o celular em um Game Boy, permitindo que o usuário tenha acesso a games clássicos dentro de um celular moderno. O modelo é vendido por US$ 24,95, ou cerca de R$ 80 em conversão direta.

O acessório chama atenção principalmente pela aparência, com uma tela totalmente dedicada só para a capinha. Desta forma, o usuário pode continuar utilizando as funções do iPhone normalmente durante a jogatina. Apesar disso, o dispositivo não permite adicionar jogos por cartuchos como o aparelho original. Em vez disso, traz 10 games clássicos já instalados, como "Tetris" e "Snake".

##RECOMENDA##

Construída em plástico rígido, a capinha também protege o celular contra quedas e batidas. Ela depende de uma bateria pequena para funcionar, o que significa que pode ser tecnicamente usada mesmo quando não está conectada ao smartphone da Apple. O acessório está disponível nas cores preta ou branca para os iPhones 6 e 6 Plus, 6S e 6S Plus, 7 e 7 Plus, 8 e 8 Plus e para iPhone X.

LeiaJá também

--> Game Boy do tamanho de um chaveiro será lançado em maio

A Nintendo e o Google fecharam uma parceria para levar o universo de "Mario Kart" ao aplicativo Google Maps no iPhone em celulares Android. A brincadeira coloca o motorista no universo do jogo, substituindo a tradicional seta de navegação do usuário por um carrinho de corrida da série.

Para entrar na brincadeira, é preciso ter a versão mais recente do Google Maps instalado em seu smartphone. Depois, basta selecionar um destino e clicar no bloco de interrogação que vai aparecer na tela inicial. Após fazer isso, um carrinho de kart com o personagem da Nintendo surge para acompanhá-lo em seu trajeto.

##RECOMENDA##

A novidade estará disponível por uma semana a partir desta sexta-feira (9) e foi liberada em comemoração ao Mario Day, lembrado em todo mundo pelos fãs da Nintendo neste sábado (10). A empresa ainda prepara uma versão de "Mario Kart" para smartphones. A previsão de lançamento é para 2019.

LeiaJá também

--> "Super Smash Bros" chega ao Nintendo Switch em 2018

A Nintendo anunciou vários lançamentos para seus consoles Switch e 3DS, incluindo o popular jogo de luta "Super Smash Bros". Durante uma conferência realizada nesta quinta-feira (8), a empresa exibiu um breve trailer do novo título, que coloca os personagens mais famosos da empresa em um ringue.

Segundo a empresa, "Super Smash Bros" estreia no Nintendo Switch ainda em 2018. Além de Link e Mario, a empresa revelou que pela primeira vez os personagens de "Splatoon" estarão disponíveis aos jogadores. A franquia é uma das mais famosas da empresa e teve sua estreia no Nintendo 64, em 1998.

##RECOMENDA##

Outros novos jogos anunciados para a Nintendo Switch incluem "Undertale", "Crash Bandicoot Trilogy", "Okami", "Captain Toad: Treasure Tracker", "Little Nightmares", "Hyrule Warriors" e "South Park". Um spin-off da série "No More Heroes" também será lançado para Switch em 2018, com o título "Travis Strikes Again".

E não acaba por aí. A Nintendo também continuará lançando jogos para o seu console portátil 3DS e anunciou que versões de "Luigi's Mansion" e de "Mario & Luigi: Bowser's Inside Story" estão a caminho.

LeiaJá também

--> Game Boy do tamanho de um chaveiro será lançado em maio

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) concedeu homologação para o Nintendo Switch no início de fevereiro. A decisão libera a venda do videogame no país e pode indicar o retorno dos produtos oficiais da Nintendo ao Brasil, depois da fabricante japonesa interromper suas atividades no Brasil em 2015.

O certificado de homologação do console foi pedido pela empresa M RS Digital, segundo documento publicado pela agência. A Nintendo, porém, afirmou que não tem planos para anunciar o videogame no país no momento. Por enquanto, nenhuma declaração oficial sobre o assunto foi divulgada pela companhia que solicitou a permissão à Anatel.

##RECOMENDA##

A Nintendo anunciou que já vendeu 7,23 milhões de consoles Switch. O videogame, lançado no início de 2017 por US$ 300, já superou seu antecessor, o Wii U, que entrou em venda em novembro de 2012 e movimentou 13,56 milhões de unidades antes de a empresa encerrar sua produção. "Super Mario Odyssey" é o jogo mais popular do sistema com 9,07 milhões de cópias vendidas.

LeiaJá também

--> Jogar uma hora por dia aumenta concentração, diz estudo

Nintendo anunciou nesta quinta-feira (31) que fechou parceria com a Illumination Entertainment, estúdio responsável por sucessos como "Minions" e "Meu Malvado Favorito", para produzir um filme animado de "Super Mario Bros". A empresa anunciou poucos detalhes sobre o longa, mas revelou que ele está sendo coproduzido por Shigeru Miyamoto - o criador de Mario e muitos outros personagens icônicos da Nintendo.

Os filmes da Illumination Entertainment arrecadaram um total de US$ 5,7 bilhões em todo o mundo, diz a empresa. A Nintendo, a empresa mais duradoura e conhecida no mundo dos videogames, reportou um enorme aumento nas vendas e lucros nesta semana, após o lançamento de seu console Switch em 2016.

##RECOMENDA##

 

A empresa, porém, não definiu uma data de lançamento para o filme, mas a febre de Super Mario está em alta após o lançamento bem-sucedido de "Super Mario Odyssey", que a Nintendo diz que vendeu mais de 9 milhões de cópias desde a sua estreia em outubro.

LeiaJá também

--> Nintendo vai lançar "Mario Kart" para smartphones

--> Nintendo Switch já vendeu mais que o Wii U

Por meio de uma publicação no Twitter, a Nintendo deixou seus fãs animados nesta quarta-feira (31) ao anunciar "Mario Kart Tour" para smartphones. O jogo está programado para ser lançado no próximo ano fiscal da empresa, o que significa uma data entre abril de 2018 e março de 2019. A franquia de corrida é uma das maiores do grupo japonês.

"A bandeira quadriculada foi levantada e a linha de chegada está próxima. Um novo aplicativo móvel está agora em desenvolvimento: Mario Kart Tour!", informou a empresa, por meio de uma postagem em seu Twitter oficial, sem revelar mais detalhes sobre o novo game. A expectativa é que o app tenha versões para iPhones e Android.

##RECOMENDA##

A empresa originalmente planejava ter lançado cinco jogos de smartphones até 2017, mas apenas "Super Mario Run", "Fire Emblem Heroes", "Animal Crossing: Pocket Camp" e o finado "Miitomo" foram liberados até então. No ano passado, o The Wall Street Journal informou que a Nintendo estava trabalhando em um título móvel da franquia "The Legend of Zelda".

LeiaJá também

--> Nintendo Switch já vendeu mais que o Wii U

--> Nintendo cancela seu primeiro jogo para smartphones

A Nintendo anunciou que já vendeu 7,23 milhões de consoles Switch. O videogame, lançado no início de 2017 por US$ 300, já superou seu antecessor, o Wii U, que entrou em venda em novembro de 2012 e movimentou 13,56 milhões de unidades antes de a empresa encerrar sua produção.

De acordo a Nintendo, "Super Mario Odyssey" é o jogo mais popular do sistema com 9,07 milhões de cópias vendidas. Logo em seguida aparecem os games "Mario Kart 8 Deluxe", "The Legend of Zelda: Breath of the Wild" e "Splatoon 2", respectivamente.

##RECOMENDA##

Como resultado de seu desempenho no último trimestre, a Nintendo ajustou sua previsão para o ano fiscal encerrado em março. Agora a empresa espera obter um lucro operacional 33,3% maior, de US$ 1,47 bilhão e US$ 9,38 bilhões em receita.

A companhia japonesa recentemente anunciou quais jogos vão entrar para o catálogo do Nintendo Switch ainda no primeiro semestre de 2018. Os proprietários do videogame poderão em breve pôr as mãos em títulos como "Dark Souls: Remastered", "Donkey Kong Country: Tropical Freeze", "Mario Tennis Aces" e "Kirby Star Allies".

LeiaJá também

--> Nintendo cancela seu primeiro jogo para smartphones

A Nintendo anunciou que está cancelando o seu primeiro jogo para smartphones. Miitomo chegou aos dispositivos móveis em 2016 e chegou a ser baixado mais de 10 milhões de vezes, mas não conseguiu manter a audiência após seu lançamento. O aplicativo, que tem versões para Android e iPhones, será descontinuado em 9 de maio.

Após a data, quem tentar abrir o aplicativo verá uma mensagem informando que o serviço foi encerrado, e, portanto, não será mais possível continuar jogando. Miitomo era uma experiência social na qual os usuários podiam criar e personalizar os avatares conhecidos como Mii.

##RECOMENDA##

A Nintendo disse que realizaria uma espécie de festival para agradecer os usuários antes do fechamento do serviço, oferecendo bônus em moedas no app. Depois de Miitomo, a Nintendo lançou "Super Mario Run" e "Animal Crossing Pocket Camp" para smartphones.

LeiaJá também

--> Curso mostra que criar games vai além da vontade de jogar

A Nintendo anunciou uma série de jogos que vão entrar no catálogo do console Switch no primeiro semestre deste ano. Os proprietários do videogame poderão em breve pôr as mãos em títulos como "Dark Souls: Remastered", "Donkey Kong Country: Tropical Freeze", "Mario Tennis Aces" e "Kirby Star Allies". Confira abaixo as principais novidades anunciadas nesta quinta-feira (11).

Um dos principais destaques é o lançamento de "Mario Tennis Aces", o novo jogo de tênis do mascote da empresa japonesa. O título terá uma variedade de cenários e modos de jogo. A Nintendo promete missões diferenciadas, chefes e vários tipos de fases. O game estará disponível entre março e junho de 2018.

##RECOMENDA##

Outro jogo inédito anunciado pela Nintendo é "Kirby Star Allies", que promete oferecer uma boa aventura para os fãs da franquia no Switch. Os jogadores poderão utilizar diversas habilidades especiais para atrapalhar inimigos e passar de fases. Também será possível desfrutar da experiência com até quatro amigos. A novidade será lançada no dia 16 de março.

Outra boa novidade é que "Super Mario Odissey" ganhará uma atualização que incluirá um mini-game chamado "Balloon World", em que será preciso esconder ou encontrar um balão no mapa durante um período determinado de tempo. Os jogadores poderão baixar o conteúdo gratuitamente após completar a história principal e ter acesso à novidade a partir de fevereiro.

Além dos jogos inéditos, a empresa anunciou que os jogos "Donkey Kong Country: Tropical Freeze", "Payday 2", "Hyrule Warriors" e "Dark Souls" ganharão versões para o console Switch. Segundo a Nintendo, o videogame superou o Wii U e se tornou o console a vender mais rápido da história da companhia.

LeiaJá também

--> Game Boy ganha nova versão com diversas melhorias

--> Com 27 anos, Super Nintendo ainda move legião de fãs

Apesar do sucesso do Switch, os consoles mais antigos da Nintendo ainda despertam o interesse de diversos fãs. É por isso que a empresa Hyperkin está lançando uma nova versão do portátil Game Boy. A novidade foi revelada na feira de tecnologia Consumer Electronics Show (CES), em Las Vegas, nos EUA, e deverá ser disponibilizada para venda ainda este ano por US$ 100 (cerca de R$ 322).

O dispositivo ainda está em desenvolvimento, então, por enquanto, a Hyperkin o apelidou de Ultra Game Boy. Embora tenha a aparência do Game Boy Color, lançado originalmente em 1998, o novo dispositivo traz diversas melhorias. Ele tem um corpo de alumínio e possui uma tela de LCD retroiluminada, que pode ser desligada a qualquer momento.

##RECOMENDA##

Outras melhorias incluem uma bateria com até seis horas de duração que pode ser carregada via USB-C, dois alto-falantes estéreo e conexões de saída de áudio. O console portátil, porém, não virá com jogos pré-instalados. Portanto, os fãs precisarão desenterrar seus cartuchos de Game Boy ou Game Boy Color caso queiram aproveitar a experiência.

Super popular na década de 1990, o Game Boy foi o primeiro console portátil da Nintendo. Foi graças ao videogame que a franquia "Pokémon" ficou reconhecida em todo o mundo, ganhando diversos títulos. Porém, games como "Tetris" e "Super Mario Bros." também fizeram sucesso na plataforma.

LeiaJá também

--> Com 27 anos, Super Nintendo ainda move legião de fãs

[@#galeria#@]

Em um mercado onde os consoles mais modernos são capazes de rodar games que mais parecem cenas de filmes, muitos fãs ainda prezam pela nostalgia e não trocam nenhum gráfico avançado pelo prazer de jogar "Super Mario World" ou "Top Gear". A prova disso é que mesmo 27 anos após o seu lançamento, o Super Nintendo, ou apenas SNES para os mais íntimos, continua entre os videogames mais cobiçados na internet e no comércio informal.

##RECOMENDA##

O popular console, mesmo depois de tanto tempo, ainda movimenta dinheiro e atrai gente interessada em relembrar a infância ou viver pela primeira vez a experiência que ele proporciona. No site OLX, por exemplo, foram registradas mais de 100 mil buscas pelo Super Nintendo somente nos seis primeiros meses de 2017, segundo dados divulgados recentemente pela empresa. No Recife, o cenário não é diferente.

No sebo de games antigos da capital pernambucana, localizado em uma transversal da Avenida Dantas Barreto, praticamente toda lojinha tem pelo menos um modelo do console à venda. Com valores que vão de R$ 170 a R$ 200 o Super Nintendo vende bem e é item quase obrigatório no estoque de quem comercializa seus produtos por ali. Em um dos boxes, o proprietário Giovanni Barbosa afirma vender pelo menos 10 unidades por mês.

Segundo ele, o Super Nintendo é muito procurado por ser um console barato e de fácil manutenção. "Além disso, se o dono quiser se desfazer dele depois, é muito fácil vender as fitas e o videogame em si, praticamente qualquer comerciante aqui está disposto a negociar por esses itens", informa Giovanni Barbosa.

[@#video#@]

Quem quiser aproveitar a experiência nostálgica, no entanto, tem que se preparar para gastar uma boa quantia em jogos. Cada cartucho é vendido por aproximadamente R$ 25, e games mais raros ou populares como "Super Mario World", "Donkey Kong" ou "The Legend of Zelda: A Link to the Past" podem sair por até R$ 80. Mas não é preciso sair de casa para encontrar uma dessas raridades.

Muitos fãs do console usam a internet como principal meio de compra de cartuchos e itens colecionáveis. Prova disso é que basta dar uma rápida busca em sites como Mercado Livre e OLX para encontrar dezenas de anúncios. É assim que o estudante Igor Barros aumenta sua coleção.

"Fico ligado nas redes sociais e nos sites de compra para achar os melhores preços. Os valores podem variar bastante e algumas pessoas chegam a vender cartuchos com defeito, por isso sempre é bom comprar apenas de comerciantes já conhecidos", afirma.

Viciado de carteirinha, Igor pretende em breve ostentar um acervo de 100 fitas. Ele não hesita ao explicar porque é mais apaixonado pelo Super Nintendo do que pelo moderno e conectado PlayStation 4. "Relembra minha infância, um tempo que não volta mais. O que mais tem atualmente são jogos com gráficos de cair o queixo, mas poucos trazem a sensação de soprar uma fita, juntar todo mundo na sala e jogar por horas sem preocupação", conta.

LeiaJá também

--> Eletricista perpetua arte de criar fliperamas em PE

A Nintendo surpreendeu os fãs brasileiros nesta semana ao colocar no ar, de surpresa, um novo site em português. Apesar de trazer poucas informações, a página dá boas-vindas aos visitantes tupiniquins e pode ser o primeiro indício de que a empresa está se preparando para retornar ao país, após suspender suas operações por aqui em 2015.

"Obrigado por visitar a Nintendo Brasil! Que bom ter você por aqui!", informa uma grande mensagem exibida no site. A companhia japonesa não se pronunciou oficialmente sobre a nova página. Em 2015, a Nintendo anunciou que deixaria de distribuir seus produtos oficialmente no Brasil.

##RECOMENDA##

O principal motivo para a saída, segundo a empresa japonesa, foram as tarifas sobre importação impostas pelo país. Apesar de nunca ter fabricado seus produtos no Brasil, a companhia pode estar se preparando para lançar novamente jogos e o novo console Nintendo Switch em território nacional.

LeiaJá também

--> Nintendo Switch já vendeu mais de 10 milhões de unidades

Jogos eletrônicos tridimensionais como o "Super Mario 64" podem ajudar a reduzir deficiências cognitivas e, por tabela, a demência. É o que aponta um recente estudo canadense realizado por professores de psicologia da Universidade de Montreal, que envolveu uma amostra composta por 33 adultos com idades entre 55 e 75 anos.

Eles foram então divididos aleatoriamente em três grupos durante a fase experimental. Ao longo de seis meses, a primeira equipe foi submetida a sessões de jogos 3D, e uma das exigências era que os indivíduos jogassem "Super Mario 64" por meia hora, cinco dias por semana.

##RECOMENDA##

Enquanto isso, o segundo grupo recebeu aulas de piano digital através de lições informatizadas, pelo mesmo período de tempo. Ao restante dos envolvidos na pesquisa, nenhuma atividade foi atribuída. Os resultados demonstram que apenas na primeira equipe houve aumento de volume da matéria cinzenta, tanto no hipocampo quanto no cerebelo.

O hipocampo é conhecido por afetar as emoções, a navegação espacial e a memória de longo prazo, razão pela qual é considerado um fator crítico na manutenção de uma boa saúde mental. O volume de matéria cinzenta é um fator crítico para indicar transtornos mentais progressivos como a demência e o Mal de Alzheimer.

No segundo grupo, por sua vez, também foi notado um aumento de volume da matéria cinzenta na área dorsolateral do lobo frontal. Já na terceira e última equipe, o volume nas três regiões do cérebro diminuiu, indicando que a deficiência cognitiva está ligada à falta de um novo aprendizado.

Um dos pesquisadores responsáveis pela pesquisa, Gregory West, explica que os jogo eletrônicos em 3D incentivam o hipocampo a criar mapas cognitivos ou imagens mentais exploradas pelo jogador. Aqueles games que trazem quebra-cabeças ou desafios lógicos apresentam mais estímulos à região, o que, por consequência, promove o crescimento da matéria cinzenta.

LeiaJá também

--> OMS reconhece vício em videogames como transtorno mental

A Nintendo está em festa. Isso porque seu console híbrido Nintendo Switch já ultrapassou a marca das 10 milhões de unidades vendidas em todo o mundo nos primeiros nove meses de lançamento. Uma pesquisa recente da Adobe Digital mostrou que o videogame foi o produto mais comprado durante a Black Friday 2017 nos EUA.

O Nintendo Switch está disponível pelo valor de US$ 300 - de modo que a venda de 10 milhões de unidades se traduz em mais de US$ 3 bilhões em receita relacionada ao produto.

##RECOMENDA##

Um dos principais destaques do Nintendo Switch é que ele pode ser conectado a uma TV como um videogame tradicional ou desacoplado e usado como um dispositivo móvel.

Além disso, os jogos recentemente publicados pela Nintendo, como "The Legend of Zelda: Breath of the Wild" e "Super Mario Odyssey'', também alimentaram o interesse dos consumidores.

Para 2018, a Nintendo pretende lançar jogos como "Kirby Star Allies", "Bayonetta", "Bayonetta 2" e um novo título da franquia Yoshi. Mesmo com tanto sucesso, o console Wii, lançado em 2006, continua sendo o mais vendido da empresa até o momento, com mais de 100 milhões de unidades comercializadas.

LeiaJá também

--> "Life is Strange" ganha versão para smartphones

A Nintendo e a Kellogg’s estão lançando um cereal matinal inspirado no jogo "Super Mario Odyssey". A caixa do produto ainda acompanha um adesivo que permite desbloquear moedas e corações no game de mesmo nome lançado exclusivamente para o console Nintendo Switch. O item será vendido em uma edição limitada e começará a chegar às prateleiras dos EUA até o dia 11 de dezembro.

O produto traz cereais de estrela acompanhados de alguns marshmallows coloridos em forma cogumelos e outros elementos inspirados em elementos do universo do principal personagem da Nintendo.

##RECOMENDA##

Esta, porém, não é a primeira vez que a Nintendo lança um reforço para o café da manhã. Em 1980, a companhia japonesa lançou o Nintendo Cereal System, uma caixa recheada com cereais inspirados nos games "Super Mario Bros." e "The Legend of Zelda". O produto foi descontinuado em 1989.

"Esta parceria com o Kellogg’s é mais uma maneira emocionante de expandir a marca da Nintendo de formas únicas e criativas", disse o vice-presidente sênior de iniciativas estratégicas da Nintendo da America, Tom Prata. "Estamos sempre à procura de novas oportunidades para trazer sorrisos a pessoas de todas as idades, e esta é uma maneira divertida de começar o dia", completou.

LeiaJá também

--> Forever 21 trará roupas inspiradas na Nintendo ao Brasil

"Animal Crossing: Pocket Camp", o mais novo jogo da Nintendo para smartphones, já está disponível no Brasil para dispositivos com Android e iPhones. Gratuito, o título coloca os jogadores para administrar seu próprio acampamento, interagir com moradores e participar de várias atividades. A expectativa era de que a novidade só fosse liberada nas lojas de aplicativos nesta quarta-feira (22).

A ideia é que o usuário construa e gerencie um acampamento. Lá, pode encontrar amigos, pescar, fabricar móveis, decorar casas, entre outras tarefas. Além de obter recursos, os jogadores devem criar uma relação de amizade com os animais da vizinhança. Há diversas áreas para explorar, como uma praia, floresta e outros locais.

##RECOMENDA##

Uma das principais características da franquia "Animal Crossing", que estreou no console GameCube em 2001, é o relógio. O usuário deve ficar bem atento ao tempo porque o horário dentro do game é o mesmo da vida real e algumas atividades ou personagens só ficam disponíveis em certos períodos do dia.

LeiaJá também

--> "Sonic The Hedgehog 2" ganha nova versão para celulares

"Animal Crossing: Pocket Camp'', o quarto jogo para smartphones da Nintendo, ganhou data de lançamento. O título, que estava disponível somente na Austrália, agora chega mundialmente na próxima quarta-feira (22). Gratuito, o app será liberado para celulares com Android e iPhones.

A ideia é que o usuário construa e gerencie um acampamento. Lá, pode encontrar amigos, pescar, fabricar móveis, decorar casas, entre outras tarefas. Além de obter recursos, os jogadores devem criar uma relação de amizade com os animais da vizinhança. Há diversas áreas para explorar, como uma praia, floresta e outros locais.

##RECOMENDA##

Uma das principais características da franquia "Animal Crossing", que estreou no console GameCube em 2001, é o relógio. O usuário deve ficar bem atento ao tempo porque o horário dentro do game é o mesmo da vida real e algumas atividades ou personagens só ficam disponíveis em certos períodos do dia. 

LeiaJá também

--> Divulgado game de Harry Potter no estilo de "Pokémon Go"

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando